Emedix - Portal de saúde com informações sobre doenças, prevenção, tratamento, saúde no dia a dia, nutrição e qualidade de vida.
Imagens
Diretório de Saúde Dicionário Médico Medicamentos Genéricos Comunidades Virtuais
Saúde no dia-a-dia
linha
  Alimentação Saudável
linha
  Atividade Física
linha
  Saúde da Família
linha
  Vitaminas/Sais Minerais
linha
  Fitoterápicos
linha
Doenças e Prevenção
linha
  Artigos médicos
linha
  Perguntas & Respostas
linha
  Ponto de Vista
linha
Descobertas Científicas
linha
  Notícias da Semana
linha
  Arquivo de Notícias
linha
  Notícias Setor Saúde
linha
  Agenda de Eventos
linha
Variedades
linha
  Cartão virtual
linha
  Teste seu conhecimento
linha
  Pesquisas Online
linha
  Serviços ao Leitor
linha
sobre nós
linha
  Equipe
linha
  Colaboradores
linha
  Campanhas de saúde
linha
  Anuncie Conosco
linha
  Termo de Compromisso
linha
Desenvolvimento: Tecnoweb

Notícias Abril de  2005

Gordura "nova" é necessária para eliminar a gordura acumulada no organismo
Fonte: Cell Metabolism, 09/05/2005

Pesquisadores da Washington University School of Medicine, em St. Louis, descobriram que a gordura "velha" armazenada nos tecidos periféricos do corpo, isto é, em volta da barriga, coxas e quadris - não podem ser queimadas eficientemente a menos que "nova" gordura seja consumida por meio de dieta ou produzida no fígado.

A equipe de pesquisa desenvolveu um camundongo geneticamente modificado para não apresentar uma importante enzima no fígado para a síntese de gordura. Como resultado, o camundongo denominado FASKOL (Fatty Acid Synthase Knock Out in the Liver) não podia produzir ácidos graxos no fígado. Como os ácidos graxos são vitais para manter o metabolismo normal de colesterol, gordura e açúcar, esses camundongos tiveram que ingerir gorduras para permanecerem saudáveis. S

egundo os pesquisadores, os camundongos desenvolveram fígado gorduroso quando colocados em dieta sem gordura. "Quando retiramos a gordura da dieta dos camundongos FASKOL, seus fígados rapidamente ficaram cheios de gordura", disse Clay F. Semenkovich, M.D., professor de medicina, fisiologia e biologia celular. "A gordura velha acumulada dirigiu-se ao fígado mas como ele não podia iniciar a queima de gordura, ela simplesmente se acumulou. Concluímos que para regular a queima de gordura, o fígado precisa de gordura nova".

A gordura "nova" é aquela consumida em alimentos ou recentemente produzida no fígado conforme a glicose é convertida em gordura pela sintase de ácido graxo, a enzima ausente nos camundongos FASKOL.

Quando o sistema recebe grande quantidade de glicose, a sintase de ácido graxo no fígado a transforma em nova gordura. Além do fígado gorduroso, os camundongos transgênicos desenvolveram baixos níveis de açúcar na dieta com gordura zero. Ambos os sintomas foram revertidos com a dieta contendo gordura e, na realidade, os camundongos transgênicos com dieta normal não eram diferentes dos camundongos normais no que se refere ao peso corporal, gordura corporal, taxa metabólica e ingestão de alimentos.

O efeito da gordura acrescentada foi duplicado quando os camundongos foram tratados com uma droga que ativa a proteína PPAR-alfa. A gordura no fígado voltou ao normal em 10 dias quando os camundongos FASKOL receberam uma droga para ativar o PPAR-alfa. PPAR-alfa é uma proteína encontrada em todos mamíferos e é vital para o processo metabólico que extrai energia de componentes dietéticos como carboidratos e gorduras. Como a droga ativadora de PPAR-alfa fez o mesmo trabalho que as gorduras, os investigadores concluíram que gordura "nova" pode ser crucial para iniciar o caminho do PPAR-alfa.

Cientistas têm argumentado que a PPAR-alfa é ativada por gorduras," diz Semenkovich. "Mas nunca soubemos quais eram essas gorduras ou de onde elas vinham. Este estudo sugere que a gordura "nova" é uma chave para solução do PPAR-alfa no fígado".

O fígado é muito importante para processar nutrientes consumidos na dieta e enviá-los para o resto do organismo. O processamento anormal da glicose ou lipídeos no fígado pode contribuir para problemas de diabetes tipo 2 e aterosclerose, e a doença do fígado gorduroso normalmente é observada em pessoas obesas ou que sofrem de resistência à insulina.

"Existe também boa evidência que o fígado desempenha um papel na mediação do risco cardiovascular por meio da secreção de múltiplas proteínas associadas com a inflamação", diz Semenkovich. "Nesses camundongos descobrimos que quando muita gordura chegava ao fígado, ocorria uma inflamação excessiva".

Semenkovich e Manu Chakravarthy, M.D., Ph.D., autor principal do artigo, acham que esses problemas podem ser resolvidos com as novas gorduras.

A equipe de pesquisa está agora tentando identificar gorduras que possam ser ministradas em pequenas quantidades para ativar o caminho do PPAR-alfa. Eles também estão estudando células do fígado e células gordurosas para verificar se o fígado pode distinguir entre gorduras novas e velhas. Eventualmente, Semenkovich acredita que essas descobertas possam levar a estratégias mais efetivas para o tratamento da obesidade, diabetes tipo 2 e outros problemas metabólicos.

Por enquanto, ele diz às pessoas que desejam perder a gordura armazenada em tecidos periféricos, que pode ser útil ingerir pequenas quantidades de gorduras, tais como óleos de peixe, que podem ativar mais efetivamente PPAR-alfa e caminhos para queima de gordura no fígado.


Enviar a um amigo

[voltar] [topo]

Atenção: As informações contidas neste site têm caráter informativo e não devem ser utilizadas para realizar auto-diagnóstico, auto-tratamento ou auto-medicação. Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

Proibida a reprodução, distribuição ou publicação, parcial ou total, do conteúdo deste site estando o infrator sujeito às sanções legais cabíveis.


notícias 2005
Jan Fev Mar
Abr Mai Jun
Jul Ago Set
Out Nov Dez

Mais notícias:
1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014

+ notícias
marcador Doença de Alzheimer: Óleo de peixe pode combater a doença
marcador Alzheimer: Pesquisadores descobrem ligação entre insulina e doença
marcador Nutrição pré-natal deficiente danifica função de células produtoras de insulina
marcador Atividade física associada com proteção à doença de Parkinson
marcador Toxoplasmose: Médicos recomendam exame em todas mulheres grávidas e recém-nascidos
marcador Alzheimer: Dieta pobre em carboidratos e poucas calorias diminui sua progressão
marcador Chá de Camomila é benéfíco à saúde
Home Saúde no dia-a-dia: Doenças e Prevenção: Pesquisas Científicas: Variedades: Sobre nós:
Contato Alimentação Saudável Artigos Médicos Notícias da Semana Cartão virtual Anuncie Conosco
Newsletter Atividade Física Perguntas e Respostas Arquivo de Notícias Pesquisas Online Equipe
Diretório de Saúde Saúde da Família Ponto de Vista Notícias - Setor de Saúde Testes e Curiosidades Colaboradores
Medicamentos Genéricos Vitaminas e Sais Minerais Comunidades Virtuais Agenda Serviços ao Leitor Termo de Compromisso
Dicionário Médico Fitoterápicos
Mapa do site
Desenvolvimento:Tecnoweb - Tel: (0xx21)2523-9108
Todos os direitos Reservados. 2000 - 2014 ®
Pesquisar
Inicio Newsletter Contato
Ecard Recomendar Twitter